De pájaros invisibles y otros cuentos: o fantástico feminino de María Elena Llana

  • Ana Cristina dos Santos

Resumen

O presente trabalho tem como objetivo analisar o fantástico feminino nos contos da escritora cubana María Elena Llana, publicados no livro De pájaros invisibles y otros cuentos (2009). O fantástico feminino se diferencia da literatura fantástica androcêntrica por relacionar as teorias de gênero às do fantástico. Dessa forma, reflete sobre a crítica feminista, sua relação com o poder; a construção/reconstrução das personagens femininas e seus múltiplos constituintes de identidade e o papel de submissão imposto pela sociedade patriarcal às mulheres. A obra de Maria Elena Llana permite discutir essas questões especialmente quando cria personagens femininos que questionam sua identidade e os papéis sociais que lhe designam os espaços privados em detrimento dos públicos e, com tal questionamento, instauram uma nova ordem para suas vidas que lhes ajuda a romper com os estereotipados padrões de conduta impostos para alcançar lugar e voz na sociedade.

Biografía del autor/a

Ana Cristina dos Santos

é doutora em Letras Neolatinas (UFRJ, 2002). Professora Associada do Doutorado em Literatura Comparada, Mestrado em Teoria da Literatura e Literatura Comparada e do Departamento de Letras Neolatinas (Português/Espanhol) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Membro do GT ANPOLL “Vertentes do Insólito Ficcional”. Desenvolve pesquisas acerca da escrita de autoria feminina contemporânea da América Latina, com ênfase nos estudos dos deslocamentos espaciais, da crítica cultural e dos estudos de gênero. Possui artigos publicados em periódicos nacionais e internacionais. Organizou, com Rita Diogo, o livro O fantástico em IberoAmérica: literatura e cinema (Dialogarts, 2015).

Publicado
2016-09-21